Quer saber mais?

Preencha o formulário. Nós ligamos para você.

Planeje-se: a temporada de pico nos Estados Unidos já começou


Se você tem transações com os Estados Unidos, esse alerta é especialmente para você. A tradicional Peak Season ou temporada de pico comercial do país já começou e todas as partes envolvidas na cadeia logística acabam sendo afetadas.

Nossos agentes parceiros já alertaram que, independente da pandemia do novo Coronavírus afetar a economia, os consumidores americanos gastarão durante o período, principalmente impulsionados pelo Dia de Ação de Graças e a Black Friday, evento que tradicionalmente dão início à temporada de pico para os varejistas nos Estados Unidos. Entretanto, em função das restrições de segurança da COVID-19 e o aumento da demanda por entregas a domicílio, as vendas já iniciaram no mês de outubro.

Assim, os próximos meses serão uma oportunidade para aumentar as vendas e compensar a receita perdida este ano pelos varejistas, mas também um período com alta demanda para todas as áreas envolvidas no processo, principalmente as transportadoras. Responsáveis pelo transporte rodoviário interno dos Estados Unidos (incidentes em todas as operações de importação EXW e exportação DDP), as transportadoras vêm enfrentado diversos atrasos nas entregas desde o início do mês: podendo ser de até cinco dias. Esse atraso se deve, principalmente, à legislação americana de tráfego de caminhoneiros e transportadores (não podem trafegar aos finais de semana e tem um limite máximo de 5 horas de transporte por dia útil), e deve aumentar ainda mais com a sobrecarga da alta temporada.

Dessa forma, recomendamos que os processos logísticos sejam planejados com antecedência para evitar atrasos ou custos adicionais. Se você precisar de apoio neste planejamento, estamos à disposição! 😉

Abraços,
Equipe Freitas